Terça, 23 de Julho de 2024
22°

Tempo limpo

Teresina, PI

Geral Serão corrigidas

Serão corrigidas 1.700 redações para a nova convocação do concurso da PM, diz comandante

Serão corrigidas 1.700 redações para a nova convocação do concurso da PM, diz comandante

27/06/2024 às 11h09 Atualizada em 27/06/2024 às 11h25
Por: Fernando Rocha Fonte: cidadeverde.com
Compartilhe:
convocação do concurso da PM, diz comandante
convocação do concurso da PM, diz comandante

Por Yala Sena 

O comandante-geral da Polícia Militar do Piauí, coronel Scheiwann Lopes, confirmou nesta quinta-feira (27) que o Nucepe (Núcleo de Concursos e Promoção de Eventos) irá corrigir cerca de 1700 redações para a nova convocação do concurso. O governador Rafael Fonteles confirmou que o governo irá convocar mais 1 mil aprovados no concurso. 

Os novos soldados serão beneficiados na lei que foi aprovada na Assembleia Legislativa que autorizou convocar para exames de saúde os candidatos do concurso público 001/2021 da Polícia Militar. 

Pela regra, o candidato precisa ter passado na fase classificatória, deverá ter obtido, na prova objetiva, pontuação que tenha lhe propiciado a correção de sua prova dissertativa.

Segundo o comandante, 1700 redações da prova dissertativa serão analisadas pelo Nucepe, que é ligado à Universidade Estadual do Piauí (Uespi). 

“Serão corrigidas um universo de 1.700 redações e o  governador já de pronto, de posse essa informação, já disse que tendo esse universo de mil, ele já nos autorizou ainda esse ano, porque nós temos um prazo pelo contrato, que até afinal do ano esse trâmite seja concluído”, disse o comandante.

Segundo o coronel, a ideia é chamar 500 este ano para o curso de formação que dura seis meses. E no próximo ano convocar para o curso mais 500 aprovados. O comandante disse ainda que o governo também analisa a questão financeira. 

“Ao tomar posse, os novos convocados são funcionários que vão entrar na carreira e isso tudo gera dividendos. Então, a equipe econômica está atenta, mas o governador tem esse compromisso de fortalecer a Segurança Pública e chamar 4 mil homens e mulheres ao longo dos próximos  anos”, disse. 

Scheiwann Lopes  informou ainda que os novos soldados vão reforçar a segurança não só em Teresina, mas no interior do estado. 

“Temos uma meta, um projeto de ter um efetivo mínimo em cada cidade nos 224 municípios. Atualmente não tem nenhuma cidade sequer que não tenha menos de cinco policiais”, disse. 

Ele1 - Criar site de notícias