Domingo, 17 de Outubro de 2021
29°

Alguma nebulosidade

Teresina - PI

Especiais Governadores

Wellington Dias afirma que gasolina subiu mais de 40% sem aumento de ICMS

Governadores Brasileiros, incluindo o governador Wellington Dias, presidente do Fórum dos Governadores do Brasil e coordenador do Consórcio do Nordeste, assinaram a nota divulgada nesta segunda-feira (20)

20/09/2021 às 20h33 Atualizada em 20/09/2021 às 20h43
Por: Fernando Rocha Fonte: Meio Norte
Compartilhe:
Governadores brasileiros, incluindo o governador Wellington Dias, presidente do Fórum dos Governadores do Brasil e coordenador do Consórcio do Nordeste, assinaram a nota divulgada nesta segunda-feira (20)
Governadores brasileiros, incluindo o governador Wellington Dias, presidente do Fórum dos Governadores do Brasil e coordenador do Consórcio do Nordeste, assinaram a nota divulgada nesta segunda-feira (20)

Os governadores dos estados brasileiros divulgaram nota, na tarde desta segunda-feira (20), para esclarecer que, nos últimos 12 meses, o preço da gasolina registrou um aumento superior a 40%, embora nenhum estado tenha aumentado o ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços), incidente sobre os combustíveis ao longo desse período. 

"Essa é a maior prova de que se trata de um problema nacional, e, não somente, de uma unidade federativa. Falar a verdade é o primeiro passo para resolver um problema", assinam os governadores brasileiros, incluindo o governador Wellington Dias, presidente do Fórum dos Governadores do Brasil e coordenador do Consórcio do Nordeste.

Governador Wellington Dias | FOTO: Divulgação/CCOMGovernador Wellington Dias | FOTO: Divulgação/CCOM

Wellington Dias afirmou que nos últimos 12 meses, "tivemos um aumento de 40% no combustível. Dizer que a culpa é dos Estados e do Distrito Federal é uma grande mentira".

Assinam a nota os governadores Rui Costa (BA), Cláudio Castro (RJ), Flávio Dino (MA), Helder Barbalho (PA), Paulo Câmara (PE), João Doria (SP), Romeu Zema (MG), Ronaldo Caiado (GO), Mauro Mendes (MT), Eduardo Leite (RS), Camilo Santana (CE), João Azevêdo (PB), Renato Casagrande (ES), Wellington Dias (PI), Fátima Bezerra (RN), Renan Filho (AL), Belivaldo Chagas (SE), Reinaldo Azambuja (MS), Ibaneis Rocha (DF) e Waldez Góes (AP). 

"Para a gente resolver o problema temos que tirar a mentira da frente. Neste caso, Estados e municípios estamos sim preocupados com a escalada dos preços, com o aumento dos preços e não apenas dos combustíveis. Queremos uma solução. Queremos ajudar, mas queremos em primeiro lugar restabelecer a verdade.”, disse o governador Wellington Dias.

Veja: 

Ele1 - Criar site de notícias