Segunda, 14 de Junho de 2021
86 99829-3614
Polícia Acusado de matar

Acusado de matar padrasto a pauladas é preso dentro de matagal em Nazária

Maceildo Pereira fugiu por uma região de mata após o crime e estava foragido desde então. Populares ainda tentaram prender o acusado durante uma perseguição, mas ele acabou escapando.

04/06/2021 17h03
Por: Fernando Rocha Fonte: Meio Norte
Acusado de matar padrasto a pauladas
Acusado de matar padrasto a pauladas

Maceildo Pereira do Santos, de 35 anos, acusado de ter assassinado a pauladas o próprio padrasto, Antônio Pereira da Silva, de 59 anos, foi preso no início da tarde desta sexta-feira (04) dentro de um matagal da zona rural de Nazária. 

A informação foi repassada pelo agente Genival Cortez de Sousa, da Polícia Civil da cidade, que realizou a prisão do mesmo após diligências na região desde as primeiras horas da manhã. O lavrador foi morto pelo enteado em uma residência na tarde de ontem (03), localizada a Rua Santa Rita, no povoado Passagem do Santo Antônio, na zona rural do município.

Maceildo Pereira fugiu por uma região de mata após o crime e estava foragido desde então. Populares ainda tentaram prender o acusado durante uma perseguição, mas ele acabou escapando. Após a prisão, o acusado foi encaminhado a Central de Flagrantes de Teresina para os procedimentos cabíveis. Na chegada, Maceildo Pereira do Santos disse para a reportagem que iria se entregar, mas os moradores o pegaram antes. Segundo ele, os policiais chegaram antes de iniciar um possível linchamento. 

Acusado de matar padrasto é preso em matagal (Foto: Montagem/ Portal Meio Norte)Acusado de matar padrasto é preso em matagal (Foto: Montagem/ Portal Meio Norte)De acordo com o Cabo Sindoval, do 17 ° Batalhão de Polícia Militar (BPM), familiares e vizinhos informaram que a vítima criou o acusado desde os dois anos de idade. Pelo menos duas crianças teria presenciado o crime na residência. “O que a família repassou para nós, é que desde os dois anos que o senhor criava essa pessoa e sempre o tratou bem e por várias vezes já tinha ameaçado a vítima. Infelizmente chegou a essa situação triste. É um crime praticamente anunciado, pois ele dizia que iria matar ele, segundo informações da vizinhança”, explicou o policial em entrevista exclusiva a reportagem durante o atendimento a ocorrência.

Ele1 - Criar site de notícias