Nem Motos, Nem Veiculos, Pé Quente, Alexandre
Ouro em escritório

Ouro em escritório era alvo de quadrilha que invadiu prédio em THE

Uma sala da mesma área também foi arrombada há cerca de um mês

06/01/2020 11h18
Por: Fernando Rocha
Fonte: meionorte.com
Ouro em escritório era alvo
Ouro em escritório era alvo

De acordo com informações da Polícia Militar, ao todo a quadrilha é formada por dez homens que invadiram o prédio com o objetivo de roubar o escritório do dono de uma joalheria na capital, que fica no décimo andar. 

“Eles entraram no local com um destino certo, queriam o ouro que estava no escritório, enquanto uns ficavam com os seguranças, outros faziam os roubos. Depois disso eles se deslocaram até a sala onde fica as imagens das câmeras de segurança. Passaram cerca de duas horas, eles tiveram tempo suficiente. Tudo indica que foi parada dada”, afirmou o PM.

Uma sala da mesma área também foi arrombada há cerca de um mês.

Quadrilha amarra seguranças e rouba edifício comercial na zona Leste de Teresina

Na madrugada desta segunda-feira (06/01), por volta de 03h, uma quadrilha fortemente armada invadiu um prédio comercial localizado na Avenida Senador Area Leão, no bairro Jóquei, na zona Leste de Teresina. 

De acordo com informações do tenente Maciel, os seguranças do local foram amarrados e colocados dentro do estacionamento, enquanto o bando realizava o roubo no local. 

“Três elementos conseguiram render os seguranças, posteriormente em torno de 7 a 8 meliantes adentraram o prédio, amarraram os seguranças no estacionamento, entraram e passaram cerca de duas hora. A Polícia Militar está fazendo o isolamento da área e aguardando a perícia para fazermos o isolamento das salas que foram invadidas e a gente ver o real prejuízo e o que eles realmente subtraíram”, afirmou o tenente. 

Segundo a polícia, pelo menos duas salas do prédio foram roubadas. “Preliminarmente a gente dando uma volta foram duas salas, salas onde ficavam os disjuntores, iluminação, e a outra sala que é realmente um locatário. Tudo aconteceu durante a madrugada, os reféns não tiveram como comunicar a polícia de imediato e assim que possível foi realizada a denúncia”, disse.

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários