Nem Motos, Nem Veiculos, Pé Quente, Alexandre
Segurança

Segurança quer aeronaves apreendidas com 1 tonelada de cocaína sendo usada em policiamento

Segurança quer aeronaves apreendidas com 1 tonelada de cocaína sendo usada em policiamento

11/12/2019 10h41
Por: Fernando Rocha
Fonte: cidadeverde.com
Segurança quer aeronaves apreendidas com 1 tonelada de cocaína sendo usada em policiamento
Segurança quer aeronaves apreendidas com 1 tonelada de cocaína sendo usada em policiamento

O secretário de Segurança Pública do Piauí Fábio Abreu disse que vai solicitar à Justiça as aeronaves apreendidas ontem (10) com suspeitos de tráfico de drogas. Operação integrada do Grupo de Repressão ao Crime Organizado (GRECO), Delegacia de Entorpecentes (DEPRE), Batalhão de Operações Especiais(Bope) e Divisão de Operações Especiais (DOE) apreendeu mais de 1 tonelada de cocaína, resultando na maior apreensão do entorpecente no estado. 

"Acredito que o poder Judiciário vai disponibilizar e em breve estaremos utilizando essas aeronaves para o policiamento, principalmente na área de Teresina. A aeronave que já existe aqui seria levada para Parnaíba ou Picos. Isso ajuda também no interior do Estado", disse Fábio Abreu. 

Sete pessoas foram presos na operação. O secretário explica que há indícios de que a cocaína veio da Bolívia e teria como destino a Europa. 

Foto: Yasmin Cunha/ Cidadeverde.com

"Alguns tabletes da cocaína indicavam que a droga vinha da Bolívia.Um dos que foram presos é um traficante internacional [...] já foi preso e tem característica de não movimentar entorpecente dentro do nosso país. Pelos relatos iniciais daqueles que foram presos essa droga ia pra Fortaleza-CE e muito provavelmente para a Europa", concluiu secretário de Segurança Pública do Piauí Fábio Abreu.


PRESOS

Entre os presos estão três são pilotos de avião, sendo dois com registros de Pernambuco. Os outros presos são da Bahia e Pará. De acordo com as investigações, um piauiense que informou residir no Pará auxiliou o trabalho do grupo em Teresina.

A quadrilha alugou pelo menos três residências, incluindo um sitio próximo ao aeroporto da Capital. A droga está avaliada em R$ 25 milhões, maior valor já apreendido no Piauí

 

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários