Terça, 19 de março de 2019
86 99829-3614
Política

01/01/2019 ás 15h12

Fernando Rocha

Lagoinha / PI

Acompanhe a cobertura completa da posse de Jair Bolsonaro na Presidência da República
Acompanhe a cobertura completa da posse de Jair Bolsonaro na Presidência da República
Acompanhe a cobertura completa da posse de Jair Bolsonaro na Presidência da República
Posse de Jair Bolsonaro na Presidência da República


O presidente do Senado, Eunicio Oliveira, encerra a sessão. afirma que, nas eleições do ano passado, o país "votou na esperança". Oliveira afirma que "não pairam dúvidas" sobre a eleição do ano passado.


 


"O futuro de nosso país estará em vossas mãos", diz Oliveira dirigindo-se a Bolsonaro e Mourão. Oliveira lembra que os governantes dependem da Constituição e das leis em vigor. Ele afirma que os poderes, independentes, devem trabalhar juntos pelo progresso do país.


 


Eunicio afirma ver no presidente e no vice qualidades para exercer a prática do contraditório. A política e a vida requerem "saber divergir", diz ele. Oliveira afirma que o governo Bolsonaro enfrentará "um pouco menos de dificuldade", em virtude de matérias já aprovadas no Congresso. Ele elogia o agora ex-presidente Michel Temer por seu relacionamento com o Congresso.


 


Oliveira afirma que Bolsonaro "não iniciará do zero" o trabalho.


 


Ele encerra seu discurso e a sessão do Congresso.


 





14h:40Terça-Feira01/01/2019

Bolsonaro discursa como presidente do Brasil

 


O termo de posse explica que o mandato de Bolsonaro e Mourão vai de hoje até 31 de dezembro de 2022. Termo foi assinado agora por Bolsonaro e Mourão, além dos presidentes de Câmara, Senado, STF e da procuradora-geral da República, além de integrantes da mesa.


 


No início do seu discurso, Bolsonaro saúda sua "querida esposa", Michelle, além de seus filhos e familiares presentes. Bolsonaro agradece a Deus por estar vivo e agradece aos médicos que o atenderam em Juiz de Fora após a facada. Ele afirma que volta à Casa "com humildade", não como deputado, mas como presidente.



 (Crédito: Nelson Almeida/AFP )
(Crédito: Nelson Almeida/AFP )



 


O novo presidente afirma que o período é de grandes desafios, mas de "enorme esperança". O gestor pediu apoio aos parlamentares para "reerguer" o país. "Temos oportunidade única de reconstruir o nosso país”. Bolsonaro promete respeito a todas as religiões, "respeitando nossa base judaico cristã". Ele também promete combater a ideologia de gênero.


 


Bolsonaro promete valorizar os que "sacrificam suas vidas" para garantir a segurança. Ele afirma que policiais merecem e devem ser respeitados. O presidente afirma ter montado a equipe "de forma técnica", "sem o tradicional viés político", que culminou em corrupção. Bolsonaro afirma que o governo não vai gastar mais do que arrecada, que os contratos serão cumpridos e que seu governo fará "reformas estruturantes".


 


Bolsonaro encerra seu discurso com a frase "Brasil acima de tudo, Deus acima de todos", que foi seu slogan de campanha. Ele é aplaudido.



 (Crédito: Nelson Almeida/AFP )
(Crédito: Nelson Almeida/AFP )




 (Crédito: Nelson Almeida/AFP )
(Crédito: Nelson Almeida/AFP )




 (Crédito: Nelson Almeida/AFP )
(Crédito: Nelson Almeida/AFP )



 


 





14h:27Terça-Feira01/01/2019

Bolsonaro é aplaudido ao chegar na mesa do Plenário

 


Jair Bolsonaro chega à mesa do Plenário e é aplaudido pelos parlamentares presentes. Bolsonaro está acompanhado pelo presidente do Senado, senador Eunício Oliveira (PMDB), e pelo presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM). O ministro do STF Dias Toffoli e a Procuradora-geral da República, Raquel Dodge, também têm lugar à mesa


 


Oliveira lembra que Bolsonaro foi eleito em 28 de outubro de 2018 e diplomado em 10 de dezembro.


 


Bolsonaro é aplaudido ao ser citado pelo presidente do Senado, Eunicio Oliveira. O mesmo ocorre com o vice-presidente eleito, Hamilton Mourão.



 (Crédito: Nelson Almeida/AFP)
(Crédito: Nelson Almeida/AFP)




 (Crédito: Nelson Almeida/AFP)
(Crédito: Nelson Almeida/AFP)




 (Crédito:  Pilar Olivares/Reuters )
(Crédito: Pilar Olivares/Reuters )



 


 





14h:12Terça-Feira01/01/2019

Veja momentos da chegada de Jair Bolsonaro

 










 


 





13h:55Terça-Feira01/01/2019

Deputados e senadores assistem desfile por meio de telão

 


Deputados e senadores assistem ao desfile de Jair Bolsonaro da Catedral de Brasília até o Congresso por meio de um telão instalado no plenário da Câmara. Os presidentes do Senado, Eunício Oliveira, da Câmara, Rodrigo Maia, do STF, Dias Toffoli, e a procuradora-geral, Raquel Dodge, já estão no Congresso à espera do presidente eleito Jair Bolsonaro.


 


 


A sessão deve ser presidida pelo presidente do Senado, Eunício Oliveira (MDB-CE). No Congresso, será assinado o termo de posse por Bolsonaro e pelo vice eleito, Hamilton Mourão. Aí começa o mandato.



 (Crédito:  Fernanda Calgaro, G1)
(Crédito: Fernanda Calgaro, G1)

 





FONTE: meionorte.com

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Facebook
© Copyright 2019 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium