Sábado, 15 de dezembro de 2018
86 99829-3614
Política

24/09/2018 ás 07h17

571

Fernando Rocha

Lagoinha / PI

Ciro Gomes visita o Piauí e busca apoio de eleitores
Ciro Gomes visita o Piauí e busca apoio de eleitores
Ciro Gomes visita o Piauí e busca apoio de eleitores
Ciro Gomes visita o Piauí e busca apoio de eleitores

Após visitar Teresina, o candidato à Presidência, Ciro Gomes, foi para sede do PDT em Timon, no Maranhão, onde falou que diante do desmantelo do país, apareceu um político vindo com a revolta do povo e da violência, Jair Bolsonaro, candidato do PSL, que segundo ele, é uma serpente, um ovo de serpente que tem ser ser matada ainda "no ovinho'". Ele acusou Jair Bolsonaro de tratar com estereótipo e preconceito mulheres e negros.



Ciro Gomes (Crédito: Efrém Ribeiro)
Ciro Gomes (Crédito: Efrém Ribeiro)



Em discurso feito na sede do PDT de Timon, onde recebeu apoio do prefeito do município, Luciano Leitoa (PSB), e estava acompanhado do candidato do partido ao Senado pelo Maranhão, Wewerton Rocha, e do candidato a deputado estadual Rafael Leitoa, o candidato pedetista à Presidência da República afirmou que o Brasil precisa pensar com a cabeça e não com o rins e o coração.



Ciro Gomes (Crédito: Efrém Ribeiro)
Ciro Gomes (Crédito: Efrém Ribeiro)



Ciro Gomes disse que a crise financeira do Brasil deixou 3,2 milhões desempregados e 63 milhões de endividados com nomes inscritos no SPC e a selvageria da violência causou 63, 8 mil assassinatos e 60 mil mulheres estupradas em 12 meses.



 (Crédito: Efrém Ribeiro)
(Crédito: Efrém Ribeiro)



Ele culpou a crise dos governos da ex-presidente Dilma Rousseff e Michel Temer pelo fechamento 220 mil lojas e 13 mil indústrias.



 (Crédito: Efrém Ribeiro)
(Crédito: Efrém Ribeiro)



"Não vamos poder eleger coisa ruim por gratidão" , afirmou Ciro Gomes, depois de dizer que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), com quem trabalhou por muitos anos, não é candidato, fazendo referência ao seu apoio ao candidato do PT à Presidência da República, Fernando Haddad.


Image title


Ciro Gomes ficou muito emocionando ao abraçar crianças com microcefalia. Ainda em seu discurso em Timon, Ciro Gomes afirmou que Fernando Haddad não é a pessoa certa para ser presidente porque foi eleito prefeito de São Paulo e com seu apoio e de Lula e não foi reeleito.



 (Crédito: Efrém Ribeiro)
(Crédito: Efrém Ribeiro)




 (Crédito: Efrém Ribeiro)
(Crédito: Efrém Ribeiro)




 (Crédito: Efrém Ribeiro)
(Crédito: Efrém Ribeiro)




 (Crédito: Efrém Ribeiro)
(Crédito: Efrém Ribeiro)




 (Crédito: Efrém Ribeiro)
(Crédito: Efrém Ribeiro)




 (Crédito: Efrém Ribeiro)
(Crédito: Efrém Ribeiro)



 


Ciro Gomes visita Mercado do Dirceu, em Teresina


O candidato do PDT  à Presidência da República, Ciro Gomes, realizou caminhada no Mercado do Dirceu, zona Sudeste de Teresina, na manhã deste domingo (23). Ciro Gomes criticou Fernando Haddad, candidato do PT, e Jair Bolsonaro, candidato pelo PSL. 



 (Crédito: Efrém Ribeiro)
(Crédito: Efrém Ribeiro)



As criticas de Ciro Gomes foram mais direcionadas a Fernando Haddad do que a Jair Bolsonaro, candidato do PSL. Ciro Gomes e Fernando Haddad disputam uma vaga no segundo turno com Bolsonaro, que está na frente nas pesquisas de intenção de voto.


Indagado se Jair Bolsonaro ganhar a Presidência da República vai sair do país, Ciro Gomes disse que não sairá. “Não vou dom Brasil, sou brasileiro”, falou o candidato, dizendo que já respondeu as denúncias feitas pelo jornal “O Globo” de que teria recebido R$ 6 milhões da Construtora Galvão Engenharia, de acordo com delação premiada feita com a Procuradoria- Geral da República e homologada pela Justiça. A delegação premiada diz que Lúcio Gomes, irmão de Ciro Gomes, recebeu R$ 1,1 milhão em dinheiro vivo e R$ 5,5 milhões via doação para o PSB, partido do irmão do presidenciável que foi governador do Ceará, Cid Gomes. 



 (Crédito: Efrém Ribeiro)
(Crédito: Efrém Ribeiro)



Ciro declarou que a receptividade, os abraços e o carinho que recebeu no Mercado do Dirceu é porque é do Ceará, vizinho ao território piauiense, e que conhece bem o Piauí, andou por Gurgueia, trabalhou na construção da ferrovia Transnordestina.


Ciro afirmou que vai intensificar a campanha visitando os estados brasileiros e acredita em sua eleição para Presidência. “Estamos intensificando a campanha e sendo muito bem recebidos pelos brasileiros”, declarou. 



 (Crédito: Efrém Ribeiro)
(Crédito: Efrém Ribeiro)



Ciro Gomes disse que vai ser eleito porque é uma alternativa e por ser contra a polarização entre PT e PSL. “Na podemos voltar e ficar nessa polarização porque é prejudicial para a economia do Brasil, para a sociedade do Brasil, como aconteceu na eleição entre Dilma e Aécio”, lembrou. 



 (Crédito: Efrém Ribeiro)
(Crédito: Efrém Ribeiro)




 (Crédito: Efrém Ribeiro)
(Crédito: Efrém Ribeiro)


FONTE: Efrem Ribeiro

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Facebook
© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium