Segunda, 20 de agosto de 2018
86 99829-3614
Política

24/04/2018 ás 09h46 - atualizada em 24/04/2018 ás 09h53

805

Fernando Rocha

Lagoinha / PI

Primeiro lugar para presidente tem 61,28% dos votos
Primeiro lugar para presidente tem 61,28% dos votos
Primeiro lugar para presidente tem 61,28% dos votos
Primeiro lugar para presidente tem 61,28% dos votos

Preso há mais de duas semanas na Polícia Federal (PF), em Curitiba (PR), o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) continua sendo o pré-candidato com índices mais altos de intenção de voto para a eleição de outubro no Piauí.


A candidatura do petista pode ser lançada com ele em regime fechado, mas ainda precisaria ser avalizada pela Justiça Eleitoral para se tornar oficial. Na ausência do petista, toda a disputa para a Presidência da República fica indefinida no Piauí.


A pesquisa do Instituto Amostragem, encomendada pelo Grupo Meio Norte de Comunicação, realizada entre os dias 7 a 13 de abril, mostra que no Piauí Lula tem 61,28% das intenções de voto estimuladas, bem à frente do segundo colocado, o deputado federal Jair Bolsonaro (PSL), que tem 7,02% das intenções de voto estimuladas. O pré-candidato do PDT à Presidência da República, Ciro Gomes, obteve 3,78%, seguido, em empate técnico, com a ex-ministra Marina Silva (Rede), que aparece com 3,16%.


O pré-candidato do PSDB à Presidência da República, Geraldo Alckmin, conquistou 2,37% das intenções de voto estimuladas. Incluído como pré-candidato do PSB à Presidência, o ex-presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), Joaquim Barbosa, sai com 1,76% da preferência dos piauienses, na condição de empate com o pré-candidato do Podemos, senador Álvaro Dias.


Não ultrapassam 2% das intenções de voto as pré-candidaturas de Henrique Meireles (MDB), que tem 0,18% das intenções de voto; Cristovam Buarque (PDT), com 0,97%; Fernando Collor de Mello (PTC), com 0,09%, que fica empatado com Guilherme Boulos (PSOL); João Vicente Goulart (PPL), com 0,26%, empatado o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM); Manuela D ?Ávila (PCdoB), com 0,61%, e Levy Fidelix (PRTB), com 0,35% das intenções de voto.


Os eleitores indecisos somam 10,10% e os que afirmaram que irão votar nulo ou em branco ficaram em 5,97%. A pesquisa do Instituto Amostragem foi realizada com 1.139 eleitores com 16 anos ou mais de idade, distribuídos em 47 municípios das microrregiões Baixo Parnaíba Piauiense, Litoral Piauiense, Campo Maior, Médio Parnaíba Piauiense, Valença do Piauí, Alto Parnaíba Piauiense, Valença do Piauí, Alto Parnaíba Piauiense, Bertolínia, Floriano, Alto Médio Gurgueia, São Raimundo Nonato, Chapadas do Extremo Sul Piauiense, Picos, Pio IX e Alto Médio Canindé.


A pesquisa do Instituto Amostragem tem margem de erro de 2,84% para mais e para menos e foi registrada, com o número BR-03615/2018, no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), em Brasília.


Image title


Lula tem 73,01% dos votos válidos no Piauí


A pesquisa do Instituto Amostragem, encomendada pelo Grupo Meio Norte de Comunicação, realizada entre os dias 7 a 13 de abril, mostra que no Piauí Lula tem 73,01% dos votos válidos, que excluem os eleitores que votam em branco e nulo, bem distante do segundo colocado, o deputado federal Jair Bolsonaro (PSL), que tem 8,37% dos votos válidos.


O pré-candidato do PDT à Presidência da República, Ciro Gomes, obteve 4,50% dos votos válidos, seguido, em empate técnico, com a ex- ministra Marina Silva (Rede), que tem 3,77%. O pré-candidato do PSDB à Presidên- cia da República, Geraldo Alckmin, tem 2,82% dos votos válidos. O pré-candidato do PSB à Presidência, o ex-presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), Joaquim Barbosa, tem 2,09% dos votos válidos, empatado com o pré-candidato do Podemos, senador Álvaro Dias.


Henrique Meireles (MDB) tem 0,21% dos votos válidos; Cristovam Buarque (PDT) tem 1,15% dos votos válidos; Fernando Collor de Mello (PTC) tem 0,10%, que fica empatado com Guilherme Boulos (PSOL); João Vicente Goulart (PPL), com 0,31%, empatado com o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM); Manuela D ?Ávila (PC do B) tem 0,73%, e Levy Fidelix (PRTB), com 0,42% dos votos válidos.


73,78% votam em nome indicado por Lula


A pesquisa do Instituto Amostragem apurou que 73,78% dos eleitores do Piauí garantem que, votariam, com certeza, em candidato para a Presidência da República indicado pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT).


Os cenários políticos apontam que caso Lula não possa ser candidato à Presidência da República, o PT pode escolher como candidato o ex-prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, ou o ex-governador da Bahia, Jaques Wagner.


Apenas 5,59% dos eleitores do Piauí afirmam que não votaram em candidato a presidente indicado por Lula e 19,20% disseram que apoiarão a indicação, mas depende do nome apontado pelo ex-presidente. O Instituto Amostragem destacou que 1,43% dos entrevistados não souberam ou não quiseram falar sobre a pretensão de votar para presidente em candidato apontado por Lula.


Sem Lula, Ciro lidera e indecisos são 35,12%


Como o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) não deverá ser candidato à Presidência da República por ser inelegível por ter sido condenado em segunda instância e incluído na Lei da Ficha Limpa, o Instituto Amostragem fez levantamento eleitoral sem o nome do líder petista e, nesse cenário, o ex ministro Ciro Gomes lidera a disputa com 9,48% das intenções de voto estimuladas no Piauí, empatado tecnicamente com o deputado federal Jair Bolsonaro (PSL), que obteve 8,69% das intenções de voto estimuladas; com a ex-senadora Marina Silva, que tem 8,17% das intenções de voto estimula- das, e o ex-prefeito de São Paulo, Fernando Haddad (PT), que tem 7,46% das in- tenções de voto estimuladas.


Sem Lula, o pré-candidato do PSDB à Presidência da República, Geraldo Alckmin, fica com 3,25% das intenções de voto estimuladas. O pré-candidato do PSB à Presidência, o ex-presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), Joaquim Barbosa, fica com 3,16% da preferência dos piauienses e o pré-candidato do Podemos, senador Álvaro Dias, fica com 2,37% .


No novo cenário, Henrique Meireles (MDB) tem 0,53% das intenções de voto estimuladas; Cristovam Buarque (PDT), com 1,05%; Fernando Collor de Mello (PTC), com 0,70%; Guilherme Boulos (PSOL), com 0,18%; João Vicente Goulart (PPL), com 0,53%; o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM), tem 0,09%; Manuela D ?Ávila (PC do B), com 0,44%, e Levy Fidelix (PRTB), com 0,18% das intenções de voto estimuladas; Valéria Monteiro (PMN) ficou com 0,26%, e Flávio Rocha, com 0,18% das intenções de voto estimuladas. Sem Lula, os eleitores indecisos pulam para 35,12% e os que querem votar nulo ou em branco ficam em 18,17%.


49,69% votariam em Haddad e 42,41% em Jacques Wagner


O Instituto Amostragem, em sua pesquisa sobre intenções de voto no Piauí, realizada entre os dias 7 a 13 de abril, mostra que 49,69% dos eleitores piauienses afirmaram que sim, votariam o ex-prefeito de São Paulo, Fernan- do Haddad (PT), para a Presidência da República, enquanto 24,67% declararam que não votariam nele. 7,46% dos eleitores não votariam em candidato do PT e 18,17% não souberam ou não quiseram opinar sobre a candidatura de Haddad.


A pesquisa aponta que 42,41% dos eleitores piauienses afirmaram que sim, votariam no ex-governador da Bahia, Jacques Wagner (PT), para a Presidência da República, enquanto 27,74% declararam que não votariam nele. Neste item da pesquisa, 8,08% dos eleitores não votariam em candidato do PT e 21,77% não souberam ou não quiseram opinar sobre a candidatura de Jacques Wagner à Presidência.

FONTE: jornalmeionorte

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Facebook
© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium